PROGRAMAÇÃO – I Congresso de América Colonial Historiografia, Acervos e Documentos

Segue a Programação do I Congresso de América Colonial Historiografia, Acervos e Documentos:

15/08/2017 – Terça-feira

13h00– Credenciamento 

14h00 – Simpósio Temático I – As crônicas e a escrita sobre o Novo Mundo

Coordenadores: Maria Emília Granduque José (Doutora UNICAMP) e Ricardo Amarante Turatti(Doutorando UNICAMP)

 Parte I

Autóctones incaicas e concepção do feminino: Uma análise a partir da crônica de Felipe Guaman Poma de Ayala (1615)

Lorena Gouvêa de Araújo (UERJ)

Os kurakas andinos nas crônicas peruanas – século XVI

Vinicius Soares de Lima (UNESP)

Tiahuanaco: Pacarina dos povos andinos. As visões dos cronistas coloniais.

Fortunato Pastore (USP)

 Hombres expertos nas trincheiras do trabalho e da política: Chile colonial, séculos XVI e XVII

Gustavo Velloso (USP)

 

16h00 – Simpósio Temático I – As crônicas e a escrita sobre o Novo Mundo

Coordenadores: Maria Emília Granduque José (Doutora UNICAMP) e Ricardo Amarante Turatti (Doutorando UNICAMP)

 Parte II

Conquistas mexicas, conquistas castelhanas: a construção de uma crônica castelhana alternada com textos pictoglíficos indígenas na seção histórica do códice Mendoza

Eduardo Henrique Gorobets Martins (USP)

 Uma relección para o Bom Governo das Indias: os indígenas de Francisco de Vitoria

Rodrigo Henrique Ferreira da Silva (UNESP)

Entre a Bíblia e a Magistra Vitae: tradição e experiência na obra “History ofthe World” de Walter Raleigh

Renato Denadai da Silva (UFOP)

 

19h00 – Palestra de abertura: Prof. Dr. Leandro Karnal (UNICAMP)

 Lançamento do livro As Américas na primeira modernidade, Vol. 1, de Jorge Cañizares-Esguerra, Luiz Estevam de Oliveira Fernandes e Maria Cristina Bohn Martins (org.). Curitiba: Prismas, 2017.

 

16/08/2017 – Quarta-feira

10h00 – Mesa 1– Historiografia e Memória

Debate entre os professores Dr. Luiz Estevam de Oliveira Fernandes (UFOP) e Dr.Anderson Roberti dos Reis (UFMT)

Mediador: Dr. Saulo Mendes Goulart

 14h00 – Simpósio Temático I – As crônicas e a escrita sobre o Novo Mundo

Coordenadores: Maria Emília Granduque José(Doutora UNICAMP) e Ricardo Amarante Turatti (Doutorando UNICAMP)

Parte III

Alexandre Rodrigues Ferreira, os animais americanos e o debate sobre o povoamento da América

Breno Ferraz Leal Ferreira (UNICAMP)

 A infância nas crônicas de Bettendorff: práticas educativas na Amazônia no século XVII

Maria Betânia Barbosa Albuquerque (UEPA)

Jane Elisa Otomar Buecke (UEPA)

 La cultura alimentaria de la región amazónica – española y portuguesa – a través de los diarios de viajero durante el siglo XVIII y comienzos del siglo XIX.

Marta Isabel Rodríguez (UEPG)

 16h00 – Simpósio Temático I – As crônicas e a escrita sobre o Novo Mundo

Coordenadores: Maria Emília Granduque José e Ricardo Amarante Turatti

 Parte IV

Sob o olhar do outro: visões sobre Salvador entre os séculos XVI ao XVIII

Charles Nascimento de Sá (UNESP)

André Figueiredo Rodrigues (UNESP)

A Conquista dos Sertões da Comarca do Rio das Mortes: análise do relato de Inácio Correa Pamplona (séc. XVIII)

Marcelo do Nascimento Gambi (UFF)

O problema de se trazer a Idade Média para a América Colonial: uma revisão historiográfica.

Letícia Roberto Santos (UFOP)

Das 10h às 16h – Apresentação de Pôsteres

Práticas judiciais nas Américas portuguesa e espanhola

Douglas de Araújo Bernardes (UFOP)

Renascença na América Colonial: a imagética peruana e mexicana sob influência europeia

Sofia Costa Ribeiro (UNITAU)

Tamyres Gabriela Oliveira Silva (UNITAU)

Na província das Amazonas: os relatos de Gaspar de Carvajal e Cristóbal de Acuña sobre um reino no rio Amazonas

Jéssica Ferreira (UFOP)

 Um mosaico de comunidades patrióticas na Nova Espanha seiscentista sob o olhar de Thomas Gage: aspectos introdutórios de uma pesquisa

Ayanne Thayná Santos Rodrigues de Oliveira (UFMT)

 

17/08/2017 – Quinta-feira

10h00 – Mesa 2–Fontes e Documentação para a História das Américas

Debate os professores Dr. Luis Guilherme Kalil (UFRRJ) e Dr. Eduardo Natalino dos Santos (USP)

Mediadora: Dra. Maria Emília Granduque José

Lançamento do livro História e Arqueologia da América Indígena, de Cristiana Bertazoni, Eduardo Natalino dos Santos e Leila Maria França (org.). Florianópolis: Editora da UFSC, 2017.

 14h – Simpósio temático II – Memória da colônia: o passado reescrito no século XIX

Coordenadora: Ana Carolina Machado de Souza (Doutoranda UNICAMP)

 Simón Bolívar: a construção do Libertador e os usos das crônicas coloniais (1805-1825)

Marcus Vinícius de Morais (UNICAMP)

“Horribles crueldades de los conquistadores de México y de los índios que losauxiliaron para subyugarlo a la Corna de Castilla”: publicação da lição do passado (1650) para a escola do presente (1829)

Vânia Maria Siqueira Alves (UEMG)

O Haiti esteve lá

Breno Logis (UNICAMP)

As colônias possíveis: como o período colonial mexicano foi construído nos manuais escolares durante o Porfiriato (1876-1911)

Julia Rany Campos Uzun (UNICAMP)

Relatos, memórias e interpretações: o caso da Revolta do Rodeador, 1820 – Pernambuco, pelo olhar dos intelectuais do século XIX

Pedro Castellan Medeiros (USP)

Gloria à Mexico! Gloria à la Ciência! Gloria à Yucatan! Arqueologia, política e disputas no México pós-independência

Daniel Grecco Pacheco (UNICAMP)

14h – Simpósio temático III – O Santo Tribunal da Inquisição nas colônias americanas – sua razão política e religiosa

Coordenador: Eduardo Andrés Ruz Torres (Doutorando UNICAMP)

Mulheres de origem indígena na 1ª Visitação do Santo Ofício no Brasil: representações de uma etnogênese

Bárbara Lustoza da Silva Borba (UFF)

 O crime de sodomia na historiografia luso-brasileira e na documentação inquisitorial: um estudo crítico

Veronica de Jesus Gomes (UFF)

 Mecanismos de funcionamento do poder inquisitorial na América Portuguesa: o que o caso Godinho tem a revelar?

Wallas Jefferson de Lima (UFPR)

A Inquisição Americana e a Isenção Foral dos Indígenas: repercussões novohispanas

Saulo Goulart (UNICAMP)

O processo de Don Luis de Carvajal y de laCueva (1590): Poder Real e Inquisição na Nova Espanha

Plínio Felipe Amaral Pires (UNICAMP)

Os De Bry no Index Expurgatorium: revisitando o Thesaurus de Viagens

Thereza B. Baumann  (Museu Nacional / UFRJ)

 Bolés, Heresia e Colonização: A polêmica sobre a França Antártica no século XVI

Jorge Luiz de Oliveira Costa (UNESP)

“Exortación al indiano lector”: O indígena no “Tratado de Hechicerías y Sortilegios” (1553) de frei Andrés de Olmos

Jean Lucas de Campos Silva  (UNIFESP)

Das 10h às 16h – Apresentação de Pôsteres 

A autobiografia da Monja Alférez. Modelos narrativos e historicidade na escrita sobre sua viagem à América no início do século XVII: aspectos introdutórios de uma pesquisa

Karina da Silva Gomes (UFMT)

O inca e o tempo: consciência histórica, tempo e narrativa em Felipe GuamanPoman de Ayala (Peru, 1615)

Ruty Souza Alves (UFOP)

A construção do monstro no imaginário social de Lima (Século XVII): aspectos introdutórios da pesquisa

Kawany Stephany da Silva (UFMT)

A Companhia de Jesus nos limites do vice-reino do Peru: relações sociais nas missões de moxos segundo a crônica de Diego de Eguiluz

Juan Pablo Isoton de Santana (UNICAMP)

Fernando Alva Ixtilxócthitl: outro olhar para a conquista do Império Asteca

Adenylson Domingues Mariano (UEMG)

 

19h00 – Palestra de encerramento: Prof. Dr. José Alves de Freitas Neto (UNICAMP)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s